Materiais usados no Bullet Journal + dica valiosa!

Oi pessoal! Tudo bem com vocês?

Há algum tempinho atrás a Fê fez um vídeo sobre o Bullet Journal dela e mostrou um pouco dos materiais que ela usa! (não viu o vídeo e nem é inscrito no canal? Clica aqui!) Então resolvi também contar pra vocês os materiais que eu uso na hora de me organizar – e um pouco de como uso cada um deles!

Os básicos: caderno, lapiseira, borracha e régua.

Bom, nada mais básico de material para um BuJo do que um caderno, né? Atualmente eu uso o Caderno Pontado da Cícero (e confesso que ainda tenho mais dois iguais guardados porque acabei pegando uma promoção e fiz estoque, haha) na cor Turquesa. As folhas internas são de papel Pólen 80g, que eu particularmente adoro, mas que às vezes deixa passar uma caneta ou outra. Nada muito grave, mas é um fato que leva a dica do final do post – vocês vão ver!

Além do caderno, acho que o mais básico (além das canetas) são lápis (ou lapiseira, no meu caso), borracha, régua e qualquer outro gabarito que você possa ter. Digo isso porque, pelo menos pra mim, fazer um rascunho dos layouts antes de passar a caneta é fundamental. Além de conseguir criar algo mais harmonioso, evita aqueles errinhos né? Claro que isso vai de pessoa pra pessoa, mas acredito que fazer um guia antes de fazer o layout definitivo pode ajudar muito! Sem contar que, pra uma ilustradora como eu que ama encher o BuJo de desenhos, usar esses materiais é de praxe. 🙂

Decorando: papéis, washi tapes e adesivos.

Decorar o Bullet Journal, pra mim, é uma terapia! E ter materiais que me ajudam nisso é algo fundamental. Normalmente, gosto mesmo de encher o BuJo de desenhos. Mas muitas das vezes as tarefas são tantas que não dá tempo de ilustrar ou fazer coisas muito elaboradas. E é aí que entram em cena vários papéis coloridos, washi tapes e adesivos!

Sabe aquele papel de carta antigo, ou aquele kraft de algum envelope? Pois bem, eles podem ser muito úteis na hora de criar algo pra decorar as páginas do BuJo. Tudo vale! Normalmente, além de reciclar papeis que já tenho em casa, também compro blocos de papel coloridos que me ajudam a compor com os temas mensais. Esse tipo de papel está disponível em várias marcas e em qualquer papelaria! Outra coisa que também costumo usar são bloquinhos de anotação coloridos, ou post-its!

E não preciso explicar sobre washi tapes né? Além de ajudar a colar uma infinidade de coisas no BuJo, elas dão aquele toque especial – e fazem pessoas como eu, loucas por papelaria, surtarem um pouquinho, haha. Não tenho tantas washis quanto gostaria (todas as que tenho, inclusive, comprei no AliExpress), mas sempre me virei com elas. Além das washis, também descobri recentemente a magia dos adesivos! Sejam comprados, de freebies ou criados por mim mesma: são uma mão na roda na hora da pressa.

Canetas: para escrever e decorar.

Não posso entrar nesse assunto sem falar das queridinhas da minha vida: as UniPin Fine Line. Já falei sobre elas em um dos primeiros posts que fiz aqui no blog (pra conferir, clique aqui), e falo de novo e quantas vezes precisar, haha! Além de ter várias pontas diferentes, as UniPin não vazam para o outro lado da folha e tem uma escrita super macia. Uso tanto para ilustrar (no BuJo e fora dele) quanto para escrever – no dia a dia uso uma 0.1. Mesmo para pintar áreas um pouquinho maiores, a sobra que fica atrás da folha é quase que imperceptível.

Além das UniPin, também utilizo algumas canetas de ponta dupla que comprei no AliExpress. Comprei o conjunto no intuito de usar a ponta Brush para fazer lettering, mas, não gostei nada da textura da ponta. Como ela tem cores LINDAS, agora uso tanto para ilustrar tanto para o BuJo. A melhor parte é que, se não houver um certo exagero nas camadas de tinta, ela não vaza para o outro lado da folha, não importando qual ponta seja usada – ainda mais com as cores mais clarinhas.

Outras canetas que uso MUITO e adoro, são algumas Brush Pens pretas (também do AliExpress – aliás, quem quiser link dessas belezinhas, só pedir aqui nos comentários que eu respondo com prazer). Uso pra tudo! Títulos, escrever os dias da semana, decorar e etc. E claro, Stabilos! Infelizmente não tenho muitas cores (e as que tenho vazam um tiquinho pro outro lado da folha) então acabo usando pouco. Mas, né, Stabilo é uma paixão sem cura e um dos objetivos da minha vida ainda é ter todas as cores, haha!

E pra corrigir? Normalmente, se o erro é básico, uso corretivo em fita ou caneta branca (atualmente uso a Gelly Roll da Sakura, tanto pra esse intuito, quanto pra colocar detalhes nos letterings e ilustrações). Se o erro foi gritante demais, colo alguma coisa em cima. Mas vamos combinar: errinhos no BuJo não são um problema gigante, afinal, eles tem um pouquinho de nós também né? Tudo faz parte. 🙂

Dica fundamental: faça testes de suas canetas antes de usar!

Ok, pode parecer uma dica muito óbvia, mas, muitas vezes, a gente se perde na empolgação de usar um material novo e esquece de testá-lo no BuJo antes de usar. Criar um spread para reunir os materiais que você usa, além de ser útil e evitar possíveis acidentes, também é uma diversão! Eu pelo menos adoro fazer esse tipo de coisa, e sempre que quero usar algo novo, crio um espacinho no final do meu BuJo só pra ter uma “galeria” específica para cada material.

E não só com canetas! Também uso muito lápis de cor nas ilustrações que faço no Bullet Journal e os testes me ajudam a ver como a cor de cada lápis vai ficar nas páginas e a decidir quais vou usar.

Mas como eu disse ali em cima: erros são normais. Aquela caneta nova maravilhosa vazou pra outra página? Sem problemas! Dá pra corrigir ou simplesmente viver com isso, ir pra próxima página e aprender com a experiência!

 


 

Espero que vocês tenham gostado do post de hoje! E contem pra mim e pra Fê aqui nos comentários quais materiais são INDISPENSÁVEIS pra vocês na hora da organização.

Beijo beijo e até a próxima!

Instagram: @camila.bisson

Twitter: @camilabisson

 

Continue Reading

Bullet Journal: Novembro de 2017

Oi gente! Tudo bem com vocês?

Hora de preparar o spread de Novembro, não é? Eu continuo com os temas mensais, e desta vez é especialmente pra quem, assim como eu, tem mais de 20 anos, hahahaha! Novembro é mês de celebrar os anos 90!

Imagino que muitas pessoas que acompanham o blog nem eram nascidas ainda nos anos 90, mas eu, como uma “mocinha” de 25 anos que viveu a infância nessa época, cuidando do meu Bichinho Virtual, alugando VHS na locadora, jogando muito Super Nintendo (coisa que faço até hoje e que com certeza influenciou minhas escolhas profissionais), montando inúmeras coisas com peças de Lego, assistindo Castelo Rá-Tim-Bum e comendo Kinder Ovo (que era vendido a UM REAL), digo que homenagear essa época é mais do que justo, HAHA (e todos esses exemplos são só uma amostrinha de toda a magia que 1990 tinha, né?)! Confesso que antes de definir este tema me deu um branco TOTAL, e quase deixei novembro sem nada definido. Mas fuçando no Pinterest, me deparei com uma foto de um Tamagochi e a inspiração veio!

Falando do spread em si, não houveram muitas modificações! Mantive o calendário que estreei em outubro, e que deu muito certo, só adicionando as tarefas e objetivos do mês!

Também coloquei a página de memórias junto com os trackers, assim como em setembro, mantendo o tema.


 

E vocês, quais temas escolheram para o mês de novembro? Também aproveitaram todas as maravilhas dos anos 1990? Contem pra mim e pra Fê aqui nos comentários!

Beijo beijo e até a próxima!

 

Instagram: @camila.bisson

Twitter: @camilabisson

Continue Reading

5 coisas para fazer com seu Bullet Journal antes de 2018!

Oi gente! Tudo bem com vocês?

Novembro já está batendo na nossa porta né? Não sei vocês, mas pra mim parece que o ano simplesmente voou depois de julho. E bom, esse ano vai acabando, as tarefas se acumulando, enquanto ao mesmo tempo uma ansiedade pro próximo ano já vem chegando pra dar aquele friozinho na barriga né? Mas, apesar do pouco mais de dois meses que ainda nos restam, ainda é tempo de fazer VÁRIAS coisas com seu BuJo até o dia 31 de Dezembro! Vamos conferir as dicas? 🙂

I. 18 Before 2018

Sim! Uma das melhores ideias pra se fazer quando o ano vai indo pro final, é aquela boa e velha lista de tarefas a serem feitas até o ano acabar. “Mas Camila, é tão pouco tempo, como vou definir dezoito metas e conseguir cumpri-las?”. É simples. O segredo não é colocar na lista aquelas grandes metas que normalmente fazemos no início do ano, mas sim, listar passos para concluir coisas! Ou colocar aquela tarefa simples que a gente acaba por ir deixando pra lá dia a após dia. Sabe aquele projeto pessoal ou DIY que foi procrastinado vários meses? Ou aquela alimentação saudável e os dois litros de água que acabam sendo deixados de lado durante o ano? Esses são itens que vão entrar na lista! Tenha em mente tudo que você quer concluir até 2018, coisas que você quer melhorar na sua vida até o ano acabar (e continuar com a boa prática no ano que vem) ou coisas que são urgentes, como se isso fosse um grande brain dump de 2017.

https://www.instagram.com/p/BYGUNxdnJLZ/?taken-by=boho.berry

II. Decida qual suporte vai usar no ano que vem.

Essa dica faz mais sentido pra quem usa Planner ou Agenda, mas algumas pessoas adeptas do Bullet Journal também vão aproveitar! Um novo ano é uma oportunidade (ou necessidade) pra se ter um novo e amado caderninho, certo?! Algumas pessoas preferem iniciar um novo BuJo em Janeiro, mesmo que o anterior não tenha terminado. Outras, como eu, continuam o mesmo até as páginas acabarem (mas isso vai de gosto). Pra quem deseja mudar de ares, ou precisa mesmo adquirir um novo Planner, essa época do ano é ideal! Todas as lojas especializadas estão com lançamentos INCRÍVEIS, e claro: é melhor garantir o quanto antes pra não chegar no dia primeiro de janeiro de mãos abanando e sem conseguir se planejar né? Então aproveite para pesquisar por aí Planners, BuJos, Caderninhos e Printables que possam ser seus melhores amigos no ano que vem!

III. Teste novos spreads.

Eu não sei vocês, mas o final do ano me dá vontade de experimentar novas coisas que possam ser aplicadas no próximo ano. Um exemplo prático disso foi a mudança que fiz no meu spread mensal, tentando um jeito novo de fazer o calendário – novo porque eu nunca tinha tentado. E amei essa configuração! Desde o início do mês tenho feito diversas experimentações em relação aos meus layouts semanais e cheguei a vários aspectos que me agradaram imensamente e que vou levar e continuar testando pelas próximas semanas. Testar um novo spread mensal, novos layouts semanais, novas formas de se fazer listas e habit trackers é uma ótima pedida pros últimos meses do ano. Eles podem resultar em uma revolução no seu BuJo o ano que vem (acredite!).

https://www.instagram.com/p/BZylQngBBVb/?taken-by=bujowithduds

IV. Planeje Dezembro com carinho.

Ok, isso pode parecer um tanto bobo e abstrato. Mas nada melhor que um grande final de ciclo pra ter um grande início de um novo ciclo, não é? Então aproveite o mês de Dezembro pra decorar seu BuJo com todo carinho, ter um planejamento funcional e fazer spreads que só o final do ano podem nos proporcionar. Se você é daquelas pessoas que tem família grande e precisa presentear todo mundo, que tal uma lista de presentes? Já se você não tem uma família tão grande assim, mas vai organizar aquela reunião de final de ano, é hora de criar um spread pra organizar tudo! Vai viajar?! Packing list e uma lista de lugares pra visitar são ideais. Aproveite o mês de Dezembro da melhor forma possível. Pode ser  até aquela chance pra quem anda meio desanimado com o Bullet Journal voltar a se apaixonar por ele!

V. Procure referências para o próximo ano!

Eu AMO fazer spreads pra um novo ano. E procurar referências é uma parte importantíssima do processo. Sabe aquele Calendex que você acabou não colocando em prática em 2017 ou aquela listinha de metas que não ficou como você queria? Essa é a hora de pesquisar a melhor forma de fazer tudo isso! Faça uma pastinha especial no Pinterest  (eu mesma já tenho a minha pasta “BuJo 2018, haha) e adicione novas referências e inspirações. Às vezes a gente acaba “decorando” as referências que já temos e dar uma renovada é sempre bom. Também é uma ótima chance de encontrar novos Instagrams de BuJo pra seguir! Renove suas ideias e crie um spread anual melhor do que nunca!

(E olhem só meus tempos de Arc, HAHA!)

 


 

E aí, quais são os planos que vocês colocarão em prática nessa reta final do ano no Bullet Journal ou Planner de vocês? Contem pra mim e pra Fê aqui nos comentários!

Beijo beijo, e até a próxima!

Instagram: @camila.bisson

Twitter: @camilabisson

SalvarSalvar

Continue Reading

Bullet Journal: Outubro de 2017

Oi gente! Tudo bem com vocês?!

Bom, outubro já está aí, e claro, com ele um novo mês no BuJo! Seguindo com a minha tradição de sempre ter algum tema para as decorações, escolhi o Halloween para ilustrar o mês de outubro!

Particularmente, eu adoro o Halloween (e confesso que passei minha infância toda querendo sair por aí fantasiada e pedindo “gostosuras ou travessuras” – talvez eu ainda sonhe com isso, haha!). ADORO combinar roxo, laranja, preto e branco nas minhas ilustrações e essa temática permite que eu abuse muito disso. Apostei em papel preto, caneta branca, abóboras, fantasminhas, aranhas e docinhos pra decorar minha organização mensal.

Sobre a organização, mudei completamente a visão mensal, que normalmente seguia uma versão de dot calendar (inspirada na Camila do Creative Pineapple) ou um modelo de lista inspirado no da Kara, do Boho Berry. Mas decidi testar um calendário tradicional desta vez (e sim, sempre coloco a segunda-feira como primeiro dia da semana, mas, errei. E deixei como estava mesmo, afinal, é normal né?). Mantive o Habit Tracker como o de Setembro, porque ele funciona perfeitamente pra mim e no lugar onde coloquei as Memórias no mês passado, um novo spread: Inktober! Quem é ilustrador ou gosta desse universo, conhece o termo: um desafio criado pelo artista Jake Parker que consiste em fazer uma ilustração por dia em Outubro, sempre com tinta (seja de caneta ou qualquer outro tipo) e postar nas redes sociais (e mesmo pra quem não participa, vale a pena conferir a hashtag #inktober nesta época pra conferir artes lindas no Instagram). Fiz a listinha pra poder me organizar melhor quanto aos temas, mas no final das contas meu Inktober virou Vectober: uma ilustração vetorial por dia. Mas o que vale é se desafiar né?

E se você  se animou com o tema de Halloween, separei mais algumas referências pra vocês!

https://www.instagram.com/p/BZyuBtsDFEM/?taken-by=bujolizando

https://www.instagram.com/p/BLWCcwfllMi/

 


 

Espero que vocês tenham gostado do post e contem pra mim e pra Fê aqui nos comentários o que acharam e o que vocês querem ver aqui no blog!

Beijo beijo e até a próxima!

 

Instagram: @camila.bisson

Twitter: @camilabisson

ps.: vou postar todo o meu Vectober no Instagram! Quem quiser, é só conferir por lá! 😉

Continue Reading

Bullet Journal: Setembro de 2017

Oi gente! Tudo bem com vocês?

No post de hoje eu trago pra vocês o mês de Setembro do meu Bullet Journal!

Desde Abril deste ano eu sempre escolho um tema para cada mês: Mario, Star Wars, Kingdom Hearts, Harry Potter e Games foram os que fiz até o momento! Isso sempre serve para manter uma unidade e acaba sendo uma ajuda na hora de me inspirar nas decorações. E este mês não seria diferente, minha escolha de tema foi o Studio Ghibli!

Quem é apaixonado por animação (como eu) vai saber do que se trata e vai entender a paixão que tenho pelas produções do estúdio! O Studio Ghibli é um estúdio de animação japonês e tem como principal roteirista e diretor Hayao Miyazaki, responsável por filmes (incríveis) como Tonari no Totoro (Meu Vizinho Totoro, 1988), Majo no Takkyūbin (O Serviço de Entregas da Kiki, 1989) e Sen to Chihiro no Kamikakushi (A Viagem de Chihiro, 2001). E foi por adorar tanto esses filmes que escolhi o Ghibli como meu tema de Setembro, que já começa com uma ilustração do Totoro (com setembro escrito abaixo em japonês).

A organização mensal do meu Bullet Journal já passou por diversas mudanças. Normalmente eu escolho a configuração de acordo com aquilo que sei que tenho no mês. Quando não há muitos compromissos, normalmente faço um calendário e uma lista única, mas em meses movimentados, como setembro será, prefiro usar um modelo inspirado no da Kara, do Boho Berry (aliás, se você ainda não segue a Kara, siga agora! Ela é uma referência incrível no mundo da organização). Basicamente faço uma tabela com três colunas: dia todo, que indica eventos ou lembretes que marcam o dia como um todo, como feriados, congressos e outros, e AM/PM que indicam os principais compromissos com hora marcada. Ao lado um calendário para consulta e a lista de tarefas do mês. A decoração desta página ficou por conta de washi tape, papel kraft e vários Susuwatari!

Além da organização mensal, também coloquei a sessão de Memórias e um Tracker para meus hábitos e humor. Confesso que a sessão de Memórias é algo recente, mas que pretendo usar melhor no próximo mês. O Tracker é a primeira vez que uso ícones para representar cada item. A inspiração veio da Cristina do My Life in a Bullet (outra ótima referência!). Preferi não colocar nenhuma decoração nestas páginas porque pretendo ilustrar as memórias e achei que poderia ficar meio “poluído”.

Eu já utilizei várias outras sessões nos meus planejamentos mensais, como controle de gastos por exemplo (que percebi que é mais funcional pra mim em um aplicativo do que no BuJo), mas acabei reduzindo apenas a isso que mostrei aqui pra vocês, porque é o necessário pra mim (afinal, essa é a graça do Bullet Journal, né?).

 


 

E este é o post de hoje pra vocês! Espero que tenham gostado e que sirva de inspiração. Aliás, contem pra mim e pra Fê aqui nos comentários como vocês fazem o planejamento mensal!

Beijo beijo e até a próxima!

 

Instagram: @camila.bisson

Twitter: @thesparksoffire

ps.: sempre posto no Instagram as páginas semanais, então, se quiserem conferir, só seguir por lá! 😉

Continue Reading