CSF- Gastos extras!

BeFunky_csf_320.jpg

Hi girls!! Hoje o post da série CSF- by Fê in London vai falar sobre os gastos com essa “brincadeira” toda hehehehe. Quando você diz “é um programa do governo, você ganha bolsa para estudar fora” todo mundo diz que você ta rico, que tá feito, e acham que sua vida vai ser maravilhosa, mas não é bem assim.

O dinheiro que ganhamos do governo é o suficiente para levarmos uma vida tranquila lá, nada de luxos, mas também nada de desespero. Mas acho que isso também vai de cada um, se você sabe economizar você acaba fazendo com que o dinheiro renda e isso pode fazer com que as pessoas achem que você está rico hehehehe, mas se você é um gastador, capaz de você precisar de ajuda de casa. =D

Mas nem tudo são rosas e lindas! No inicio eu acha que TUDO seria bancado pelo governo, mas não é bem assim. Existem coisas que são custeadas por nós, como pro exemplo o visto de estudante. lembrando a vocês que eu vou para o UK – Londres, então vou abordar o meu edital, mas sei de países, como por exemplo, a Austrália que os estudantes também bancam os exames médicos que são obrigatórios.

passaporte1

É bem importante você procurar saber essas coisas antes, até mesmo para ver se você terá condições de arcar com tais custos. O primeiro gasto “não bancado” que temos é o passaporte, que é essencial para qualquer viagem. Você tira ele na polícia federal e se não me engano o valor gira em torno de R$150,00. O processo é bem simples, nada de complicações como em outros documentos, e você tem que lembrar que se na sua cidade não tem como você fazer isso existe também o gasto de deslocamento.

O segundo gasto, geral dos editais, é a prova de proficiência. Uma prova como o TOEFL e o IELTS custam em torno de R$400,00 e elas são aplicadas em algumas cidades e por isso também envolve ai o seu gasto de deslocamento, caso precise. No caso eu paguei passagem de Ouro Preto para Bh. Eu já fiz um post explicando como funcionam essas provas aqui.

images

O terceiro gasto que eu tive, e todos os estudantes que irão para o UK também terão será com o visto de estudante. Este, foi o maior gasto que tive, o visto custa em torno de R$1000,00 o valor é dado em dolares, e por isso varia de acordo com a cotação do dia e o grande a mais dele é que só existem três cidades em que ele pode ser feito: São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, e para quem não mora em uma dessas três, como eu, gastará também com deslocamento se você for se hospedar na cidade tem mais esse gasto, como também alimentação. Bom, eu paguei R$300,00 na passagem de ida e volta, para o mesmo dia, além de taxi para chegar ao local e alimentação, mas estes são gastos pequenos. Quando você chega lá no consulado você tem que tirar uma foto para o visto paga, é claro no valor de R$15,00 e além disso pagamos também o sedex de entrega dos seus documentos visto e epassaporte que do Rio para Bh ficou em R$42,00.

Bom, esses são os gastos fixos e mais caros que tive, aqueles que provavelmente todo mundo tem que arcar. Mas não é só isso. O CNPQ orgão que paga as bolsas, no caso desse edital dá um dinheiro fixo, e isso quer dizer que se você não achou uma passagem que fosse no valor dado, quem arca com o “a mais” é você e o mesmo com as outras coisas.

Não é um valor exorbitante, comparado com o alto custo de uma viagem de um ano de estudos fora do país, mas bem ou mal é um valor que temos que arcar com nossas economias. Esse post é mais para quem quiser tentar ter uma noção dos gastos que você mesmo terá.

Claro que as vezes não para por ai, mas esse são os gerais. Tem gente que tem que comprar mala como eu compra algumas roupas e sapatos para levar e por ai vai, mais isso é de cada um hehehehe. No total, eu já devo ter gasto uns R$1500,00 contando que eu já tinha o passaporte, com esses gastos citados mais mala e algumas coisinhas huahuaha e espero parar por aqui hehehehe.

Espero ter ajudado!! E até o próximo. Ahh, o próximo post que será semana que vem eu vou falar do processo do visto, como funciona, documentos, e como foi tudo” 😉

8362904624_429938bec4

Continue Reading

CSF – Prova de proficiência

BeFunky_csf_320.jpg

 

Oiii flores!! Hoje eu vou falar com vocês mais para quem tiver interessada sobre a prova de proficiência em inglês que é exigida para os países que falam língua inglesa claro!

serbia-exams-ielts-new-home-large_image

Para começo de conversa no CSF são aceitas dois tipos de prova, o IELTS e o TOEFL, sendo o primeiro britânico e o segundo americano, por isso confira no edital do país que você quer concorrer quais que são aceitos. Ambas as provas são pagas e o valor gira em torno de R$400,00. Acho muito caro, mas infelizmente temos que fazer então…

Eu fiz o IELTS e é sobre ele que eu vou falar. Escolhi o IELTS por conta de data, era o que tinha a data mais próxima disponível, e dizem também que ele é mais tranquilo por ser feito com pessoas e não no computador, o TOEFL é todo aplicado pelo computador, inclusive a parte do speaking, e você conversar com uma pessoa é mais tranquilo, pois mostra para ela o seu esforço e tudo mais, pelo menos essa é a minha opinião.

Bom a prova é composta de quatro partes que são da seguinte forma:

  • listening:  4 sessões com 40 questões, sendo que você tem 30 minutos para fazer e mais 10 minutos para passar as respostas para a folha apropriada;
  • reading: são 3 textos, com níveis de dificuldades diferentes, com 40 questões no total, e você tem 1 hora para ler, responder e passar as respostas de todos os textos;
  • writing: essa parte pe composta por dois texto, sendo que o primeiro é menor, eles geralmente te dão um gráfico ou uma tabela e você tem que dissertar sobre ele, como se fosse um seminário, e isso em 150 palavras e o segundo é maior, você ganha um tempo e terá que escrever um texto com aquele assunto em 250 palavras. Não pode escrever menos que o pedido se não seu texto é descartado, e para isso você tem 1 hora, sendo que o aconselhavél é gastar 20 minutos com a primeira redação e os 40 minutos restantes com a segunda;
  • speaking: essa parte demora em torno de 15 minutos e você irá falar de assuntos que lhe forem pedidos que variam de cor, esportes, passeios, assuntos gerais. O importante é que você não deixe o assunto morrer, se a pessoa te perguntar qual esporte você gosta não diga só o nome, fale regras, o porque de você gostar, onde você aprendeu, essas coisas. Se você não sabe inventa, seja criativo. Terá uma parte que te darão um assunto específico para você falar sobre ele durante uns 3 minutos, você poderá escrever no papel tópicos para se lembrar, então use isso a seu favor, porque pode parecer fácil mas não é!

A prova não tem segredos, é treino. No site do IELTS você encontra provas antigas para você treinar,  então faça isso, por mais que você saiba inglês é bom treinar para ir, pois o tempo é curto para tudo que você tem que saber.

DICAS:

  1. No listening fique atento a detalhes, e tente escrever algumas coisas que você escutar no canto da folha, isso ajuda a organizar.
  2. Na hora que você for ler os textos vá lendo o paragrafo e ao mesmo tempo leia as perguntas, geralmente elas estão em ordem e assim você economiza tempo e descobre mais fácil as resposta, respondeu, passe para a folha de resposta, você não terá tempo para isso.
  3. Na hora da redação, não pense muito, você não tem o tempo normal que teria para fazer outra redação. Na primeira redação escreva o que você vê, como se estivesse lendo o gráfico, e sempre conte suas palavras de 50 em 50, e marque-as, isso diminui o tempo. No outro texto esquematize suas ideias, faça 1 paragrafo para introdução, 2 para desenvolvimento e 1 para conclusão, assim você chega rápido ao número de palavras que precisa.
  4. NUNCA entre em desespero, se perder uma resposta ou se confundir respire fundo e continue, ali é tudo sobre pressão, e se você desesperar você erra tudo.
  5. No speaking vá com tranquilidade e mostre o que você sabe, não fique querendo ser formal demais, isso atrapalha, seja você mesmo.

Espero ter ajudado vocês. 😉

8362904624_429938bec4

Continue Reading

CSF – como tudo começou

BeFunky_csf_320.jpg

Sempre que eu for postar algo sobre o Ciência sem Fronteiras essa imagem irá aparecer, será o logo do assunto, e hoje eu vou contar para vocês mais sobre o programa, e como eu estou participando dele. Sei que assuntos como esse podem não interessar a todos, mas posso ajudar algumas pessoas que estão interessadas no programa.

Para quem ainda não conhece o programa Ciências sem Fronteiras é do governo federal e visa levar estudantes que estão cursando o ensino superior para fora do país para estudar, e assim aprender novas tecnologias e poder, um dia aplicá-las aqui no Brasil. site do CSF

Bom, o estudante vai como bolsista para fora, e fica lá durante um ano fazendo um curso igual, ou complementar ao seu isso vai de cada um, porque a gente que escolhe nossas áreas de interesse. Aconselho a quem tiver interessado a ler mais sobre o programa ou procurar o responsável da sua universidade que trata do assunto.

image_preview

O primeiro de tudo que você tem que fazer é realizar um teste de proficiência na língua do país de seu interesse, feito isso e alcançado a nota você já está apto a concorrer por uma vaga. Vou confessar para vocês, não é fácil, nem um pouco. O processo é demorado e demanda paciência, as vezes a gente fica tão ansioso que acaba acreditando que não vai conseguir.

Depois da prova você se inscreve na sua universidade e ai vai de cada uma os requisitos que você tem que ter. Variam de período de curso algumas é entre 20% e 90% do curso concluído, coeficiente mínimo, número de matérias reprovados e por ai vai, isso depende de cada universidade e tem algumas que não estabelecem nada, quem se inscrever é homologado. A partir daí, sua universidade solta uma lista ou não com os nomes dos homologados, e pronto, mais uma etapa concluída.

ielts

Agora você precisa traduzir seu histórico para a língua de onde você pretende ir e junto ter um pdf do original do seu teste de proficiência e do seu passaporte. Com isso você escreve no site do csf e espera sua aprovação. Caso você seja aprovado, irão te enviar um e-mail falando que você pode se inscrever no portal do país que você quer ir. Agora você precisará de mais uma coisa, no meu caso, no Reino Unido, você precisa escrever uma carta em inglês logico hehehe dizendo um pouco sobre você, porque estudar lá e tudo mais, isso se chama personal statement.

A partir daí é só esperar. Se você for aceito pela universidade e o CNPQ aprovar sua bolsa, você está dentro do programa, e ai é só comemorar. Logo a universidade entrará em contato com você e você estará arrumando suas coisas. Ai gente, é uma agonia tão grande quando você espera hehehehe, e a sensação foi melhor do que passar no vestibular. Agora estou esperando a universidade entrar em contato comigo, para eu arrumar meu visto e partir!!! Logo terão mais novidades do programa por aqui! 😉

8362904624_429938bec4

Continue Reading

LONDRES!!! Ai vou eu… *–*

935560_594178740592923_912551633_n

Queria começar esse post gritando, mas não tem jeito!! hahahahahahahh Bom girls, a grande noticia que estava me deixando SUPER feliz todos esses dias é essa: eu vou morar fora por um ano, em LONDRES!! *–*

21.02-figura_materia_2_fmt_20-12-2012

Vou pelo programa Ciências sem Fronteiras do governo que leva estudando que estão cursando o ensino superior (na área de tecnologia, engenharias e saúde) para estudar fora do país por um ano.  Bom, eu não vou entrar em detalhes aqui porque já expliquei tudo no vídeo e logo logo terão posts voltados para esse assunto para ajudar quem tiver interesse e contar como foi minha experiência.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=GwEthOkrBfA&feature=youtu.be]

Bom, o blog não vai parar, pelo contrário, agora eu terei mais assuntos para falar com vocês. Não sei se vai ser interessante gravar vlogs lá, e o que eu estou levando e tudo mais, mas se vocês quiserem é só me falar. Eu vou para Kingston University que fica em Londres mesmo, e vou agora no final de junho para fazer três meses de curso de inglês na mesma universidade, e só em setembro começam as aulas mesmo. Acho que minha volta será la para agosto do ano que vem.

Então essa era a grande novidade que eu tinha para contar para vocês!! Qualquer duvida ou pedidos podem falar!!

Vou deixar aqui fotos da minha nova linda cidade!! *–*

Londres_2008_04_jpg

c9f5a21b-b5b0-477e-b1d0-1692d0421790

 

 

Essa é a Kingston Upon Thames, tipo um “bairro” de kingston,  e é ai que eu vou passar a maioria dos meus dias. Fica a 25 minutos de metro de Londres.

England - London - Londres ed22pagencarte-02

londres-bandeira-400x250

20807_553974387959211_1622744081_n
8362904624_429938bec4

Continue Reading